sábado, 31 de janeiro de 2015

Papa Francisco cria barbearia para os sem-teto

Agência Estado
Após instalar chuveiros e banheiros e ordenar a distribuição de comida e roupas para os sem-teto que dormem sob as pilastras do Vaticano e por Roma, o papa Francisco vai abrir uma barbearia gratuita para os mais miseráveis.
A iniciativa começa a entrar em operação em 15 dias e, nas últimas semanas, cabeleireiros e voluntários de Roma deram à Santa Sé dezenas de tesouras, pentes, espelhos e cadeiras para que os novos clientes possam ser atendidos.
A meta do Vaticano é muito clara, segundo seus organizadores: "Dar dignidade às pessoas". A operação será implementada pela Esmolaria Apostólica, o braço executivo da entidade de caridade que o papa dirige pessoalmente e que existe há 900 anos. Ao assumir o pontificado, Francisco nomeou o arcebispo polonês Konrad Krajewski para liderar os trabalhos com um só recado: não queria vê-lo sentado em seu escritório.
Uma das realidades que mais deixavam o papa irritado era com o menosprezo do Vaticano diante dos dezenas de mendigos de Roma, que, pela noite, encontravam refúgio na Praça São Pedro. Muitos usam as colunas da catedral para se esconder do frio, enquanto a Cruz Vermelha italiana decidiu, durante o inverno, distribuir sopas.
Para o papa, isso não era suficiente e, no ano passado, ordenou que banheiros com chuveiros fossem instalados. Mas, agora, o projeto ganha a barbearia. "O que queremos primeiro é dar dignidade às pessoas", explicou Krajewski. "Uma pessoa que não pode se lavar é uma pessoa socialmente excluída e também sabemos que essas pessoas sem teto não podem entrar em um bar para pedir para usar o banheiro."
Os barbeiros se colocaram à disposição para trabalhar para o Vaticano todas as segundas-feiras, quando os cabeleireiros da sofisticada Roma estão fechados. No ano passado, Francisco comemorou seu aniversário distribuindo 400 sacos de dormir para os mendigos e sem-teto. Ele ainda convidou 200 deles para jantar no Vaticano. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

PARENTE É SERPENTE

A viúva de Oscar Niemeyer, Vera Niemeyer, enfrenta uma batalha judicial contra o ex-genro do arquiteto, Carlos Magalhães da Silveira.
Ele quer receber R$ 150 mil por salários atrasados, férias e indenização por dano moral. Magalhães representava o escritório de Niemeyer em Brasília e diz que parou de receber sem explicação em 2013, após a morte do sogro.
Vera, que recorre de sentença que determinou o pagamento, diz que seu advogado comunicou o desligamento de Magalhães em 2013.
Em 2009, ele chegou a sair da Fundação Oscar Niemeyer por causa de desentendimentos, mas continuou representando o escritório.
"Ele está errado, mas, se tivermos que pagar, damos um jeito. Pago qualquer coisa para ficar livre dele", diz a viúva.
O advogado de Magalhães, Antônio Rollemberg, acredita que a sentença será mantida em segunda instância.
(Mônica Bergamo)

Ex-assessor preso gosta de mostrar intimidade com autoridades

Fotógrafo recebeu homenagem da Câmara de Londrina
Demitido após a divulgação de sua prisão por suspeita de envolvimento com casos de prostituição infantil, o ex-assessor do governo do Paraná Marcelo Caramori gosta de demonstrar proximidade com grandes nomes da política paranaense. 
O fotógrafo expõe várias fotos próximo a eles em seu perfil no site de relacionamentos Facebook, onde há, inclusive, imagem da tatuagem com o nome do governador em seu braço.
"Tchello", como gostava de ser chamado, era lotado no cargo comissionado de Assessor da Governadoria com salário de R$ 6.177,13. 
A exoneração foi publicada no Diário Oficial do Estado de ontem e, de acordo com a assessoria de imprensa do governo, foi assinada assim que a prisão dele foi comunicada. 
Ainda segundo o órgão, o governo espera uma apuração rigorosa do Ministério Público sobre a acusação.
A assessoria do Palácio Iguaçu afirma que a função exercida por Tchello era de fotógrafo de eventos oficiais em Londrina. 
Porém, na prática, ele acabava exercendo uma espécie de assessoria, tentando, inclusive, controlar o acesso de jornalistas ao governador.
Em outras ocasiões, atuava como "leão de chácara": na visita de Beto a Londrina para entrega de novos espaços no Jardim Botânico, há um ano, por exemplo, ele deu uma gravata e retirou do local Emerson Petriv, o Boca Aberta (PSC) – que protestava, na verdade, contra o prefeito Alexandre Kireeff (PSD).
FOTOS
No Facebook, Tchello gosta de demonstrar proximidade com políticos paranaenses como o ex-secretário estadual do Planejamento Cássio Taniguchi, o atual secretário de Desenvolvimento Urbano, Ratinho Júnior (PSC), e o senador Alvaro Dias (PSDB).
Porém, é ao lado do governador que gosta de posar. Junto com diversos registros de Beto durante a campanha, é abraçado com o fotógrafo em ocasiões menos formais, como ao lado de um carro de corrida e até uma selfie, datada de 18 de dezembro passado – segundo ele, registrada pelo próprio governador. 
"Hoje quem fez a foto foi o chefe o amigo e o governador... Valeu pelo carinho e pelos parabéns pelo meu aniversário... (sic)", escreve Tchello na foto.
Em uma montagem datada de 17 de maio passado, registra o momento em que tatua o nome de Beto em seu braço direito, abaixo de um código de barras. 
"Não basta vestir a camisa, ela você pode trocar !!! Tem que vestir a alma a pele e assim é... assim será sempre... eu sei que eu quero e sei porque eu escolhi o melhor chefe o melhor amigo e o ser humano mais incrível que eu conheci!!! (sic)", escreveu na descrição da imagem.
RECONHECIMENTO
O fotógrafo também recebeu o título de reconhecimento público da Câmara de Vereadores de Londrina. 
A homenagem, concedida em 2010, é de autoria de Padre Roque (PR). O vereador foi procurado na tarde de ontem para explicar o motivo da honraria, mas ele não atendeu ao celular e não retornou o recado deixado na caixa posta. 
Fonte: Folha de Londrina

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

ASSAÍ - Servidores Públicos recebem 8,80% de reajuste salarial

Os servidores municipais de Assaí terão reajuste salarial de 8,80% sobre seus vencimentos.
O projeto de lei foi encaminhado e aprovado pela Câmara Municipal e o reajuste incidirá sobre o salário do mês de janeiro, para todos os servidores ativos, inativos e pensionistas.
Os Conselheiros Tutelares também receberão 8,8% de reajuste salarial.
Os salários dos cargos comissionados e agentes públicos terão reajustes de 6,23%.
Para o salário dos professores será aplicado o índice de 13,1% obedecendo o Piso Nacional do Magistério.
“Em nossa administração adotamos uma medida de dar o reajuste salarial a todos os servidores para que nenhum tenha seu salário defasado. Mesmo aplicando o índice mínimo, nossos servidores continuam recebendo acima do piso nacional de cada categoria, como forma de valorização do funcionalismo público e pela contribuição de cada um com o desenvolvimento da nossa cidade”, comenta o prefeito Luiz Mestiço.

ASSAÍ - Prefeito busca recurso para construção de um novo hospital

Cumprindo agenda de trabalho em Curitiba, o prefeito Luiz Mestiço  foi recebido na manhã desta quinta-feira (29) na Secretaria de Saúde do Estado pelo Superintendente de Gestão de Sistemas de Saúde Dr. Paulo Almeida.
A reunião foi marcada para dar  início elaboração  do projeto para construção de novo hospital para Assaí.
“A saúde é grande prioridade da nossa administração, e hoje plantamos mais uma semente  que irá germinar irrigada com a fé de Deus e do povo de Assaí”, comenta o prefeito Luiz Mestiço.

ASSAÍ - Secretaria de Educação organiza a Semana Pedagógica para o volta às aulas

A Secretaria de Educação organiza as atividades da Semana Pedagógica na semana que antecipa o volta às aulas na rede Municipal.
No dia 02/02 , o encontro com os professores acontecerá no auditório do Doobo com dinâmicas e reflexões sobre: A influência e o valor do profissional da educação na vida do aluno, importância da relação família/escola.
No dia 03/02,  preparação do volta às aulas em cada escola.
Nos dias 04 - 05 e 06,  início da Capacitação com a palestrante, professora Teruko, no Doobo, com estudo e oficinas sobre: Trabalhando a Produção de Texto de 1º ao 5º ano; Dialogando as Práticas Pedagógicas (1º, 2º e 3º anos e Classe Especial e Sala de Recursos) e Direcionamento voltado à utilização da Folha Cidadania (4º e 5º ano).
O retorno das aulas acontece na segunda-feira dia 09 de fevereiro.

ASSAÍ - Capacitação para manipuladores de alimentos da rede municipal

A Secretaria de Educação realizou um curso de capacitação em segurança alimentar e nutricional para manipuladores de alimentação escolar.
O curso foi ministrado pela nutricionista Paula Varella e teve como objetivo a formação continuada dos profissionais que trabalham com planejamento, execução e monitoramento alimentar e nutricional, com noções e conceitos básicos, de manipulação e  gerenciamento alimentar e práticas de boa higiene.
“O curso traz informações que já fazem parte o cotidiano de cada profissional, e que é sempre bom ser revisado. Uma forma de garantir que nossos estudantes receberão uma merenda de qualidade, tornando o ensino ainda mais produtivo”, comenta a secretária Zenídia Apª Correia.

SANTA CECÍLIA DO PAVÃO GANHA ÔNIBUS PARA UTILIZAR NO DEPARTAMENTO DE SAÚDE

O Prefeito Padre Zezinho se deslocou até o Município de Cornélio Procópio para a solenidade de entrega de um veículo ônibus para o uso dos Municípios de Santa Cecília do Pavão, São Sebastião da Amoreira e Nova América da Colina.
Depois de sorteio realizado no Gabinete do Prefeito Padre Zezinho, dia 28/01/2015, ficou acordado que a partir do dia 02/02/2015 à 01/06/2015 o veiculo será utilizado pelo Município de Santa Cecília do Pavão.
Este fará viagens para Cornélio Procópio, Londrina, Curitiba e Jacarezinho.
Fonte: Blog do Chaguinhas

Londrina: MP fecha cerco contra motéis que permitem entrada de menores

Redação Bonde com MP-PR
A 29.ª Promotoria de Justiça da Comarca de Londrina expediu na última quarta-feira, 28 de janeiro, recomendação administrativa aos proprietários de motéis de Londrina e região metropolitana, para que estes sejam mais rigorosos com a verificação da idade de seus frequentadores, que devem ser sempre maiores de 18 anos.
Com a recomendação, o MP-PR visa cumprir seu dever de zelar pelos direitos e garantias legais assegurados às crianças e adolescentes.
Também pretende coibir as práticas do abuso e da exploração sexual infanto-juvenil, que, no entendimento da Promotoria, têm encontrado guarida nos motéis da cidade de Londrina e municípios vizinhos, em uma crescente onda de violação aos direitos humanos.
Por meio da recomendação, a Promotoria orienta que os proprietários, gerentes e responsáveis pelos motéis e estabelecimentos afins da região verifiquem o documento de identidade dos clientes, não permitindo a hospedagem de pessoas menores de 18 anos, que não estejam acompanhadas de seus pais ou responsáveis.
Além disso, determina a fixação, dentro do prazo de 15 dias a contar do recebimento da recomendação, de cartazes, em locais visíveis e de grande circulação, alertando para as regras de hospedagem de crianças e adolescentes.
Devem, ainda, manter cadastro atualizado dos hóspedes com menos 18 anos e intensificar as inspeções, inclusive dos veículos que adentram aos estabelecimentos, a fim de vedar a entrada de menores de 18 anos nestes locais.
Caso as recomendações não sejam cumpridas dentro do prazo e das orientações estabelecidas pelo MP-PR, o estabelecimento estará sujeito à suspensão ou à cassação do alvará de funcionamento, dentro dos termos da Lei Municipal n.º 6.417/95.

Exame toxicológico de "larga janela" será obrigatório para renovar habilitação

Agência Brasil
Os motoristas que forem obter ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas categorias C, D e E serão obrigados, a partir de 30 de abril, a fazer exame toxicológico de "larga janela" – usado para verificar o consumo de drogas por longos períodos.
Caso o laudo, que terá validade de 30 dias, constate o uso de drogas ou substâncias proibidas, o motorista será considerado inapto temporariamente.
O exame, que deverá ser feito em clínicas credenciadas pelo Departamento Nacional de Trânsito, vai testar, no mínimo, a presença de maconha e derivados, cocaína e derivados incluindo, crack e merla, opiáceos incluindo codeína, morfina e heroína, ecstasy (MDMA e MDA), anfetamina e metanfetamina.
Para conseguir a autorização para obter ou renovar a CNH, o motorista deve obter resultados negativos para um período mínimo de 90 dias, retroativos à data da coleta.
Para o teste, serão coletados material biológico que poderá ser cabelos ou pelos; na ausência desses, unhas.
De acordo com resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), publicada hoje (30) no Diário Oficial da União, os motoristas que não se submeterem ao exame também serão considerados inaptos temporários ou inabilitados enquanto não apresentarem o laudo negativo do exame toxicológico.
De acordo com o Contran, a medida atende a dispositivo da Lei 12.619, de 30 de abril de 2012, conhecida como Lei do Motorista, que obriga o condutor das categorias C, D e E a submeter-se a teste e a programa de controle de uso de droga e de bebida alcoólica, instituído pelo empregador, com a ciência do empregado.        

MP denuncia 53 pessoas por associação para o tráfico, entre as quais 23 com ligações com o PCC

Denúncia contra 53 pessoas acusadas de associação para o tráfico de entorpecentes foi oferecida nesta quinta-feira, 29 de janeiro, pela 1.ª Promotoria de Justiça de Paranaguá, município do Litoral do Estado.
Entre os denunciados, 23 seriam membros do grupo criminoso PCC (Primeiro Comando da Capital) e foram denunciados também por organização criminosa e pela prática de outros crimes.
Segundo a denúncia, durante as investigações, foi constatado que parte dos denunciados pagava, inclusive, mensalidade à organização criminosa.
O trabalho de apuração também permitiu determinar quais eram as funções de cada integrante dentro do grupo.
Histórico do caso – As investigações sobre a atuação do grupo foram iniciadas em setembro último, por policiais do Denarc (Divisão Estadual de Narcóticos), órgão ligado à Polícia Civil.
O trabalho começou após a prisão de criminosos em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, por meio dos quais houve a indicação de que uma quadrilha de grandes proporções era responsável pelo tráfico em Paranaguá.
Os criminosos também seriam responsáveis pela distribuição de entorpecentes em cidades vizinhas – Pontal do Paraná, Matinhos e Guaratuba.
Durante o processo de apuração foi constatado, ainda, que, para viabilizar o tráfico de drogas, integrantes do grupo também praticaram furtos qualificados, roubos e homicídios.
Para facilitar a articulação entre seus membros, a rede dividia-se em quatro células menores, com funções distintas dentro da organização.
Como resultado das investigações, a maior parte dos integrantes da quadrilha foi presa em dezembro e agora todos foram denunciados pelo promotor de Justiça Marcelo Augusto Ribeiro.
Informações para a imprensa com:
Assessoria de Comunicação
Ministério Público do Paraná